• Gilmar Hernandes

Irmã Jaqueline professa primeiros votos para integrar congregação missionária


DSC06112_edited.JPG

A Irmã Jaqueline Joly professou no domingo (1º de março), em missa solene realizada na Matriz da Paróquia Maria Mãe da Igreja, os primeiros votos de pobreza, castidade e obediência para integrar a Congregação Missionárias Filhas da Sagrada Família de Nazaré, que neste ano completa 50 anos. A celebração foi presidida pelo arcebispo de Campo Grande, Dom Dimas Lara Barbosa, e concelebrada pelos padres Adailton José Miorin e Almir Xavier de Castro.

O pai, o irmão e a madrinha da Irmã Jaqueline Joly prestigiaram a cerimônia, além da superiora geral da Congregação, Madre Montserrat Del Pozo, a delegada da Congregação no Brasil, Irmã Maria Helena da Silva, várias outras religiosas de Campo Grande, de Curitiba (PR), Jesuítas (PR), do Paraguai e da Colômbia e fieis, que lotaram a Igreja.

Após a homília de Dom Dimas, que destacou a importância da Sagrada Família e a mensagem do evangelho que retrata a identidade de Jesus, a Irmã Jaqueline se consagra a Deus e recebe da superiora geral da Congregação, o véu, as constituições e o crucifixo das missionárias de Nazaré.

“Quero agradecer a cada irmã da Família Nazaré pelas orações e principalmente pelo testemunho de suas vidas que me fazem ver e acreditar que é possível viver o mistério de Nazaré a cada dia”, declarou a irmã Jaqueline.

Ao final da celebração, a Irmã Jaqueline foi surpreendida com um vídeo homenagem, com declarações das demais Irmãs desejando felicidades e perseverança para trilhar o caminho das missionárias de Nazaré. Em seguida alunas da Escola Nazaré, onde a Irmã Jaqueline é professora, entregaram rosas em gratidão pelo seu ‘Sim’ ao amor de Deus, seguido de um Bonsai (árvore em vaso), um terço e uma orquídea, conduzidos pelas meninas do Grupo de Louvor e Dança Magnificat da Paróquia Maria Mãe da Igreja.

História

De uma família de quatro irmãos, Jaqueline nasceu no dia 26 de abril de 1987, em União da Vitória (PR), mas viveu a infância e adolescência em Porto União (SC), até entrar na Congregação. “Conheci a Congregação das Missionárias Filhas da Sagrada Família de Nazaré por meio dos padres. Fiz as etapas de formação ‘aspirantado’ e ‘postulantado’, em Curitiba (PR) e fui para Venezuela fazer o noviciado, terminando aqui em Campo Grande”, finaliza

#IrmãJaqueline #MissionáriasFilhasdaSagradaFamíliadeNazaré #EscolaNazaréCG

34 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo